Candidaturas

candidaturas

 

Os candidatos ao ingresso no Instituto Superior Politécnico Lusíada de Benguela deverão preencher cumulativamente as seguintes condições:

a) Ter concluído o ensino médio
b) Ter realizado em 2013 ou 2014 um dos exames de admissão que o Instituto Superior Politécnico indica para o curso que o candidato pretende frequentar e nela ter obtido a classificação exigida. Os exames de admissão realizam-se nas datas indicadas pelo Instituto Superior Politécnico Lusíada de Benguela.
c) A nota mínima para aprovação é fixada pelo ISPLB
d) Serão devolvidos os documentos pessoais dos candidatos, cujo acesso tenha sido rejeitado por não ter obtido a classificação mínima no exame de admissão.

O estudante titular de um curso secundário no estrangeiro, deve solicitar a equivalência, do Certificado de Habilitações, junto ao Ministério da Educação, reunindo para tal a seguinte documentação:

a) Certificado de Habilitações do Ensino Secundário autenticado pelo notário, pelo Ministério das Relações Exteriores e pelo Consulado Geral de Angola.
b) O aluno pode ser admitido ao ISPLB, apresentando a documentação na alínea a), ainda que esteja a aguardar a equivalência do Ministério da Educação, tendo um prazo de 60 dias para apresentar a equivalência final.

1- Uma Fotografia tipo passe

2- Certificado original ou cópia autenticada/ Declaração de Conclusão do Ensino Médio

3- Cópia de Bilhete de Identidade

4- Preenchimento do formulário de candidatura

Candidato admitido pela 1ª vez

Reconfirmação de matrícula

Licenciaturas

  • Contabilidade Superior de Gestão
  • Economia
  • Gestão de Empresas
  • Informática
Exame Exigido
Lingua Portuguesa e Matemática

Licenciaturas

  • Direito
  • Gestão de Recursos Humanos
  • Psicologia
  • Relações Internacionais
Exame Exigido
Lingua Portuguesa e Hístoria

Serviços oferecidos pela Secretaria do Instituto:

Os Serviços Académicos exercem sua acção no domínio da vida académica dos estudantes, da emissão de diplomas, certificados, do expediente e arquivo dos documentos que dizem respeito ao Estudante, bem como do fomento e apoio às actividades académicas interligadas a outros Departamentos.

Quando me devo dirigir à Secretaria?

Para solicitar quaisquer tipos de declarações, dúvidas em relação às notas publicadas, solicitações de exames de recursos, matrículas, anulações, transferências, mudanças de cursos ou Regime, pedidos de equivalência, melhoria de notas, ou outros serviços pertinentes à vida académica dos estudantes.

  • cadeiras em atraso (no acto da inscrição)
  • declaração com ou sem notas (5 dias úteis)
  • anulação de matrícula ( 5 dias úteis)
  • justificativa de ausência (5 dias de antecedência)
  • melhoria de notas (no máximo 24 horas após a publicação)
  • reclamação/revisão de notas (no máximo 5 dias após a publicação das pautas)
  • mudança de curso (no máximo 30 dias após início do ano lectivo)
  • mudança de turno (a qualquer momento desde de que tenha disponibilidade de vagas, sendo que para o período nocturno alem da existência de vagas deverá ser maior de 21 anos e apresentar declaração de ser estudante trabalhador)
  • pedido de equivalência (no máximo 5 dias após o início das aulas)
  • opção de Regime (só pode ser feita no acto da matricula)
  • transferência para outras Instituições (pode ser realizada a qualquer momento desde que o estudante apresente declaração de vaga para a outra Instituição onde pretende estudar e esteja em dia com as propinas do Instituto)
  • inscrição para exame de 2ª chamada, exame de Recurso, e época especial (48h antes da data do exame)

 

Nota: Todos os serviços anteriormente citados, poderão ser solicitados, na Secretaria de alunos, mediante formulário apropriado.

Horário de Funcionamento da Secretaria

O Departamento está disponível para atendimento aos Estudantes de segunda a sexta-feira das 08:00 horas às 21:00 horas.

O Regime do Instituto Superior Politécnico Lusíada de Benguela regulamenta as regras gerais de ensino, aprendizagem, assiduidade, e avaliação de conhecimentos, respeitando os critérios gerais estabelecidos pela Lei de Bases do Sistema de Educação de Angola, através do qual os estudantes serão avaliados de acordo com os critérios:

Regime A: Sistema de Avaliação Contínua (assiduidade, participação nas aulas, trabalhos individuais e de grupo, exames programados)

Regime B: Exclusivamente para cadeiras em atraso. Podendo ser no máximo duas cadeiras anuais, ou quatro semestrais, ou ainda uma anual e duas semestrais.

Regime C: exclusivo para estudantes que comprovadamente tenham actividade profissional impeditiva da frequência regular as aulas.

* Importante: O Estudante deverá optar pelo Regime no acto da matrícula e permanecer nesse regime até ao final do ano lectivo.

 

*(Esta informação está sujeita a ser reformulada após aprovação do novo sistema de avaliação e do regime académico pelo Conselho de Direcção a realizar-se no dia 14 de Março de 2014.)

loading